Como será o Brasil para meus filhos? Como serão os filhos deste Brasil?

Essa semana o Brasil parou para assistir a mais uma etapa deplorável na nossa história. Não tenho posição partidária, pois a mim tudo parece absurdo e descabido. O que fica pra mim é a sensação de impotência.

Além de toda situação nacional, temos no estado do Rio Grande do Sul uma grave crise financeira. Não há segurança para sequer ir levar os filhos na escola. Isso tudo me entristece muito. Todas mães querem dar uma vida digna para os filhos. Já não bastasse os problemas comuns a maioria das famílias, ainda vivemos uma crise generalizada na nossa sociedade.

Se perderam os valores e os direitos. O respeito entre as pessoas, o pensar coletivo, a igualdade e a fraternidade. No meio do caos se precipitam os preconceitos, amigos se afastam por ideologias, a preocupação toma conta de grande parte do dia, perdemos o direito do ir e vir.

Meus filhos não poderão brincar na rua ou pracinhas sem nos preocuparmos. Cheguei ao ponto de dizer para meu filho de 3 anos que tem muitos bandidos por aí e temos que ser rápidos para entrar e sair do carro. Tive que pedir para obedecer quieto se alguém estranho nos abordar. Tive que contar sobre uma realidade triste antes do previsto.

O que se passa na cabeça de nossos pequenos sobre as situações de insegurança que estamos vivendo? Como explicar as notícias ou comentários que por ventura vão escutar? Como passarmos segurança para eles quando nós não nos sentimos seguros?

Ainda estou tentando encontrar formas de lidar com a situação atual sem causar preocupação nos meus filhos. Ao mesmo tempo preciso que saibam se comportar à rua de modo a evitarmos maiores riscos. Devo alertar para os perigos, para prepará-los para a vida na nossa sociedade.

Como será o futuro dessa geração criada nesse ambiente hostil e inseguro? Como isso vai afetar o comportamento das nossas crianças? Qual será o exemplo que nossos governantes darão para a nova geração? A impunidade e indiferença se tornarão as diretrizes da nossa sociedade?

A nós, pais,  resta educar e ensinar o caminho do bem, do respeito e do amor, mesmo que hoje seja coisa rara por aqui. Precisamos plantar hoje o futuro dos nossos filhos. Cultivarmos nossos valores dentro de casa, na família, com os amigos.  Mesmo com tanta influência  dos meios de comunicação, não deixarmos as notícias da página policial invadir nossas casas e perturbar nosso cotidiano.

Temos que ter fé que com esforço criaremos pessoas de bem, que pensem coletivamente, que busquem melhores condições para todos. Torcermos para que no futuro aqui seja um lugar bom de viver para nossos filhos.

 

 

 

 

2 thoughts on “Como será o Brasil para meus filhos? Como serão os filhos deste Brasil?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *